Como desenvolver a criatividade para criar soluções inovadoras

A criatividade é uma capacidade determinante para o sucesso profissional, seja para criar um negócio inovador, manter uma empresa competitiva ou para conquistar as melhores oportunidades de trabalho. Um conjunto de habilidades que diferencia excelentes profissionais e permite criar, produzir ou inventar coisas novas, bem como transformar situações e inovar no modo de agir.

Pessoas consideradas criativas sempre olham as coisas de forma diferente buscando oportunidades.

Muitos acreditam que a criatividade é um talento nato que está intrínseco em determinadas pessoas, que são consideradas talentosas pelas suas habilidades criativas.

Porém, pode ser que muitas pessoas realmente tenham mais facilidade para desempenhar funções criativas e alcance o sucesso dessa forma, mas a criatividade em si nada mais é do que um conjunto de habilidades que podem ser trabalhadas e desenvolvidas como técnicas.

E você vai conhecer aqui as principais técnicas para desenvolver sua capacidade criativa. Vamos lá?

Dica 1: Conheça soluções inovadoras e extraia o melhor delas para criar novas

Steve Jobs, uma das pessoas mais criativas da história, em seu famoso discurso feito para os formandos da Universidade de Stanford, ressaltou a importância de criar nexos autênticos, de construir algo que realmente faça sentido no futuro.

“Você não consegue ligar os pontos olhando para frente; você só consegue ligá-los olhando para trás. Então você tem que confiar que os pontos se ligarão algum dia no futuro.”

Uma menção ao seu processo criativo, que originou o primeiro computador Macintosh.

Mesmo deixando a universidade, Jobs continuou no campus frequentando aulas de caligrafia. Após 10 anos, quando ele identificou que os computadores pessoais iriam revolucionar o mercado, todo aprendizado das aulas de caligrafia foi aplicado na interface gráfica, sendo uma conexão de pontos essencial e única para criar o primeiro computador com tipografia bonita. Se ele nunca tivesse estudado caligrafia, o Mac nunca teria tido as fontes múltiplas ou proporcionalmente espaçadas.

Uma oportunidade que te ajudará a desenvolver sua capacidade criativa nesse contexto é ampliar sua área de conhecimento e conhecer soluções inovadoras com os respectivos problemas solucionados, se mantendo em constante aprendizado. Pratique extrair o melhor dessas soluções, interconectando suas partes para solucionar problemas ainda não solucionados ou não solucionados de forma eficiente.

Quanto mais diferentes soluções você conhecer, maior será o seu potencial de interconectar suas melhores partes para produzir novas soluções mais eficientes.

Dica 2: Desenvolva sua capacidade de pesquisa e aprendizado contínuo

Hoje existem inúmeras ferramentas que lhe permitem aprender de forma rápida, como grupos de discussão, sites, escolas na internet, vivência de experiências, práticas presenciais e o próprio Google.

Uma técnica muito utilizada por empreendedores de sucesso é desenvolver o seu conhecimento e se aprofundar em estudos de casos práticos. Uma ótima oportunidade de aprender novos conceitos que foram aplicados, principalmente entendendo a problemática do contexto e a solução prática aplicada. Uma abordagem que vai além da teoria e acelera muito o aprendizado.

Os estudos de casos mostram histórias reais de pessoas e negócios, proporcionando uma experiência de aprendizado realista e efetiva.

Fundador da SambaTech, Gustavo Caetano é uma referência nacional em criatividade e inovação. Busca estudos de casos em conferências, em grandes universidades, além da sua rede de contatos.

Em nossa aula baseada no estudo de caso com a Samba Tech, Como um dos mais jovens empreendedores de sucesso do Brasil estuda e controla sua empresa, Gustavo menciona que seu processo criativo está muito ligado a ir para caminhos que ninguém vai e fazer o que ninguém está fazendo a fim de obter um resultado diferente. Ele conta que sempre explorou diversas fontes de conhecimento não convencionais com o objetivo de ampliar a visão sobre o negócio.

Uma técnica que o fundador da SambaTech usa para inovar sua empresa é buscar conteúdos que nem sempre estão diretamente associados com o seu segmento e aplicar esse aprendizado no seu negócio.

Ele também ressalta a importância de estar em contato com empreendedores de outros nichos que pensam e aplicam soluções diferenciadas no negócio. Uma forma de trocar experiências com empreendedores mais experientes que estão à frente no mercado.

Imagina ter acesso ao mesmo conhecimento dos empreendedores mais talentosos do mundo?

Essa é uma ferramenta muito poderosa utilizada pelo empreendedores.

Gustavo recomenda também que, para ser criativo, é preciso evitar o chamado echo chamber, ou câmara de eco, que consiste em escutar apenas informações que você já possui de maneira ampliada, sem buscar algo novo.

Por isso, diversificar a maneira que você pesquisa e capta novos conhecimentos é uma das melhores formas para aprender e explorar novas soluções para seus desafios. Assim, você consegue aprender continuamente para colocar em prática e avançar no processo de inovação.

Dica 3: Conheça e siga as pessoas que são referência em seu mercado

Quanto mais conhecimento você reunir para alcançar suas metas, melhor. Ter referências de segmentos diferentes é tão importante quanto explorar apenas seu nicho. Conhecer pessoas talentosas e inovadoras do mercado no qual você atua é extremamente valioso.

Entender como esses empreendedores pensam, se desenvolvem e o que estão estudando pode te ajudar a ver o mesmo ponto do negócio de uma outra perspectiva, que talvez você não tivesse se dado conta ainda.

Acompanhar essas pessoas nas redes sociais, principalmente no Linkedin, é uma forma de ficar por dentro do que elas estão fazendo, quais as soluções que estão criando e as principais tendências do seu mercado.

Bárbara Minuzzi, cofundadora da Babel Ventures, um fundo de investimento de risco que atua no Vale do Silício, explica no estudo de caso A visão e habilidades essenciais que ajudaram Bárbara Minuzzi a co-fundar a Babel Ventures que, antes de entrar nesse universo, ela se inspirava em empreendedores de sucesso que construíram a trajetória que ela queria trilhar.

Foram a partir dessas referências que ela se sentiu mais segura sobre suas ideias e planos e seguiu em frente com o que acreditava. Foi com base em pessoas de sucesso do seu segmento que ela aprimorou sua visão para alcançar o sucesso do seu negócio.

“Quanto mais referências você tem, independente do que aconteça depois com essas pessoas, mas se elas abrirem sua cabeça e te darem oportunidades, isso ajuda muito”, conta Bárbara Minuzzi.

Dica 4: Aprenda design thinking e pense como um designer

O design thinking é uma metodologia usada para resolver problemas e desenvolver produtos ou serviços baseados na forma de pensar de um designer. Esse conceito é fundamental para o negócio, pois integra as necessidades dos clientes, a tecnologia e as condições para criar soluções inovadoras.

Composto por um conjunto de fases, o design thinking é focado na solução de problemas de forma coletiva e colaborativa, pois toda a equipe deve participar do processo e se colocar completamente no lugar do cliente, interagindo com esse para investigar principalmente a essência do problema. Com todos participando e contribuindo com conhecimentos e experiências, serão criadas as melhores soluções.

A Natura, empresa de cosméticos referência na América Latina, aplicou o design thinking em seus produtos com o objetivo de fortalecer a relação entre marca e consumidor. A empresa criou soluções para redefinir a marca e se tornar mais próxima dos seus clientes.

Já uma empresa que nasceu diretamente do design thinking é a Netflix. Com base no comportamento e no problema dos clientes, a empresa desenvolveu um serviço que atende a essas necessidades de forma eficiente. Essa solução revolucionou não só o mercado, mas também a forma de entretenimento dos seus consumidores.

Maurício Bueno, diretor geral da weme, conta na aula Como o Design Thinking é aplicado na criação de novos negócios, sobre o modo de pensar de um design, que projeta coisas colocando o cliente no centro da sua decisão.

A weme é uma aceleradora de empresas e um hub de inovação que usa o design thinking para atender seus clientes. Hoje ela possui empresas de peso em sua carta de clientes como Unilever, Mercedes-Bens, Bosch e P&G.

Dica 5: Aprenda como fazer benchmarking e brainstorming

O processo de benchmarking é um conjunto de pesquisas feitas sobre as melhores práticas, métodos e procedimentos do mercado. A empresa interessada busca métricas e dados de outras empresas líderes de segmento para analisar, comparar e medir de acordo com as suas próprias informações. Assim ela consegue determinar o quão longe está das melhores do mercado e determinar ações para melhorar seu processo, produto ou serviço.

Seu objetivo principal é conhecer e aprender as melhores estratégias, para assim poder adaptar ao próprio negócio. Durante este processo você pode encontrar um problema do seu cliente que a concorrência ainda não percebeu e solucioná-lo, além de aprimorar o seu próprio produto.

Guilherme Junqueira, CEO da Gama Academy, é um exemplo de empreendedor que usou o benchmarking para criar soluções para seu negócio. Antes de criar a sua solução proprietária, ele se aprofundou no problema central e pesquisou as empresas que estavam solucionando essa dor, assim como entendeu como estavam fazendo.

Na aula baseada no estudo de caso da Gama Academy, Como um bom benchmarking e a metodologia OKR aceleraram a Gama Academy, o CEO conta como analisou as melhores empresas e centros de ensino do mundo, se aprofundou no problema da formação de profissionais para o mercado digital e nas melhores soluções que estavam disponíveis no mercado.

Partindo das soluções existentes, conectou suas melhores partes e incluiu novas soluções com seu talento para inovar e criar a Gama Academy.

Enquanto o benchmarking é a busca de informações de fora do negócio, brainstorming é um processo criativo colaborativo: é geração de ideias explorando o conhecimento coletivo, muitas vezes dentro do time da empresa. Traduzido para o português, o termo significa “tempestade de ideias”.

O brainstorming deve ser feito com a participação de toda a equipe e todas as ideias devem ser levadas em consideração, afinal, é justamente para isso que esse método serve. Durante a prática, após o problema ser apresentado, todo o time deve manifestar potenciais soluções, sem filtro, para criar a melhor forma de resolvê-lo.

A criação de soluções através do brainstorming tem como diferencial a colaboração do time da empresa, porém, além da participação da equipe, o problema pode ser discutido também durante o processo de cocriação.

A cocriação é uma maneira de inovar que agrega os colaboradores do negócio, seus clientes e fornecedores, todos com o foco em criar melhores soluções. Essa fusão agrega valor à empresa, gera conteúdo e experiências. Venkat Ramaswamy, indiano especialista em cocriação, afirma: “Interagir com o cliente precisa ser parte do jeito como a companhia faz negócios”.

Essa combinação permite uma relação direta com o negócio, o que ele pretende desenvolver e de qual modo fará isso. A empresa também pode criar parcerias vantajosas se associando a outras organizações. Como foi o caso da marca esportiva Addidas.

A marca se uniu com a ONG Sea Shepherd, que ajuda na retirada de lixo do oceano, e criou um tênis composto por 95% de plástico recolhido do mar pela organização. A Addidas não só contribuiu para uma causa ambiental como gerou muito mais valor à sua marca e ao produto.

Que tal começar a explorar todo seu potencial criativo agora?

Desenvolva sua mentalidade empreendedora e conheça como as soluções mais inovadoras do mundo são criadas com a Academia PME.

Toda semana lançamos aulas exclusivas com os empreendedores mais talentosos do mundo e os negócios inovadores, tudo isso com os principais conceitos dos livros de empreendedorismo e negócios mais vendidos do mundo, para você acelerar seu conhecimento, desenvolver sua capacidade criativa e alcançar o sucesso profissional.

E ainda disponibilizamos um certificado de conclusão de cada estudo de caso que você terminar. Quanto mais você estudar, mais créditos terá em seu certificado.



Comentários

Send this to friend